O que uma pessoa pode fazer com o CPF de outra?

O CPF, Cadastro de Pessoa Física, é um documento feito pela Receita Federal e tem como objetivo principal, identificar os seus contribuintes. Porém ele não é utilizado apenas para isso. Com ele é possível participar de concursos públicos, matricular-se em universidades, abrir contas em bancos, fazer compras e até mesmo pedir um cartão de crédito.

Desta maneira, o CPF é um documento de identificação de seu titular, intransferível, e com ele é possível ter acesso a uma série de benefícios.

Por estes motivos, a coleta do CPF é alvo de muitos estelionatários, que o utilizam para aplicar golpes e fraudes.

Dentre as fraudes mais utilizadas pelos criminosos, está a realização de dívidas em nome do titular do dado. Não é incomum que pessoas que tiveram seu CPF disponibilizados indevidamente recebam ligações de débitos ou tenham seus nomes negativados no SERASA.

Outra ação que pode ser realizada com o seu CPF pelos estelionatários, é a abertura de uma conta bancária. Hoje existem muitos bancos exclusivamente virtuais, que permitem a abertura de conta online. Sendo assim, o seu CPF pode ser utilizado para movimentar contas, nas quais, podem ser recebidos dinheiro de tráfico, lavagem de dinheiro, entre outras transações.

A compra em lojas online também pode ser efetivada com o seu número de CPF. Muitos sites de e-commerce, solicitam o documento como identificação no cadastro. Nesses casos, o seu nome também corre o risco de ser negativado, o que acarretará grande transtorno.

Para evitar com que as situações descritas acima ocorram, listamos 5 medidas que são possíveis fazer para proteger-se.

  1. Em caso de roubo do documento, informe a polícia.
  2. Não entregue ou dê seu CPF para qualquer pessoa.
  3. Tome cuidado ao descartar documentos, contas ou cartões no lixo.
  4. Mantenha sempre os documentos por perto ou guarde em local seguro.
  5. Cuidado com contatos suspeitos, como por exemplo ligações e e-mails, solicitando seus dados pessoais.
  6. 

O CPF é um dado pessoal e, portanto, precisa ser protegido!

A sua empresa manipula dados pessoais como por exemplo, o CPF de seus funcionários e clientes?

 A companhia é responsável pela proteção destas informações e precisa estar em compliance com a LGPD!

Quer saber mais? Entre em contato conosco. Nós da Tisec podemos ajudar. 

LGPD+na+Pr%C3%A1tica+%281%29 1920w

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn